Web Content Viewer
Cultura Inglesa oasis – Blog – Cultura Inglesa

Tag: oasis

Johnny Depp, o guitarrista do Oasis

5 anos atrás ----- Blog

.
“Ele é um dos melhores guitarristas que já vi. Ele não acha que seja bom, mas ele é realmente bom. É por isso que eu botei ele pra tocar o solo em Fade In-Out no último álbum, porque eu não conseguia. Depois disso, a gente estava ensaiando para a turnê e me custou 6 meses para tirar o que ele estava tocando”.

Quem disse isso para um programa da tevê britânica foi Noel Gallagher, guitarrista e compositor do Oasis na época, a respeito do ator Johnny Depp!

Depp, que já teve sua própria banda de rock, gravou o solo de guitarra na música Fade In-Out do disco Be Here Now, de 1997.

Essa história remete à vila particular que Mick Jagger, o vocalista dos Stones, tem numa ilha caribenha chamada Mustique.

.

.
O pirata do Caribe Johnny Depp estava lá de férias com Kate Moss, sua namorada na época, e encontrou Noel Gallagher e sua digníssima (veja a foto acima). Foi lá que Noel compôs a maior parte do material do disco.

“A primeira parte da música foi gravada numa pequena barraca na praia. Estávamos bêbados uma noite, e peguei a guitarra dele e o slide e tentei tocar o solo, e ficou terrível. Então ele sentou e tocou de primeira”, lembra Noel Gallagher (leia mais).

O solo que você ouve na gravação acima é da demo gravada em Mustique. Depp nunca apareceu no estúdio na Inglaterra e a banda usou o material que foi gravado na ilha mesmo.
. 

Esse post é dica para você se dar bem no Parada Inglesa! Jogue no Facebook

.

Liam Gallagher é o melhor vocalista de todos os tempos?

5 anos atrás ----- Blog

Segundo os ouvintes da rádio londrina XFM, o ex-Oasis é o melhor “frontman” de todos os tempos…

Polêmico, não? Olha

Ao saber da votação, Liam Gallagher, atual vocalista da banda Beady Eye, disse: “melhor vocalista? Eu já sabia! Não existem muitos de nós”.

Freddy Mercury pegou um segundo lugar. Veja abaixo a lista completa. Você concorda?

Saiba mais sobre a votação no site da XFM.

1. Liam Gallagher

2. Freddie Mercury

3. Dave Gahan

4. Dave Grohl

5. Matt Bellamy

6. Brandon Flowers

7. Morrissey

8. Jim Morrison

9. Kurt Cobain

10. Alex Turner

11. Paul Weller

12. Mick Jagger

13. Tom Meighan

14. Eddie Vedder

15. Joe Strummer

16. Ian Curtis

17. Caleb Followill

18. Ian Brown

19. Thom Yorke

20. Chris Martin

 

E a melhor música inglesa dos anos 90 é…

5 anos atrás ----- Blog

[youtube width=”650″ height=”360″]http://www.youtube.com/watch?v=quZsUQ2G9Q4[/youtube]

Segundo os votantes da nossa enquete no Facebook, a música inglesa preferida nos anos 90 é Wonderwall!

Discorda? Vota lá na enquete e muda esse jogo.

Por enquanto, Oasis está levando com seu maior hit. Não é para menos, né? Todo mundo se lembra dessa música. Atrás, vem brigando pelo segundo lugar The Verve, com Bittersweet Symphony e Blur, com Song 2.

Você pode incluir sua música lá, se quiser. Até agora já são mais de 30 canções diferentes.

No vídeo acima, Alexandre Matias, curador do Cultura Inglesa Festival e jornalista do Estadão e do blog Trabalho Sujo, comenta o resultado e dá seu voto.

O autor de Trainspotting quer transfomar Alan McGee numa lenda

6 anos atrás ----- Blog

Quem foi ver a balada e o bate-papo com Alan McGee no 15CIF sabe que o homem é uma lenda viva do rock.

Ele “descobriu” o Oasis, produziu bandas como Primal Scream, The Jesus & Mary Chain e foi dono de uma das gravadoras mais importantes da história, a Creation Records.

Agora, esta história toda será contada por ele mesmo, com a ajuda de outro nome de peso: Irvine Welsh, escritor de Trainspotting. A ideia é misturar sua imagem com a de Malcolm McLaren, o lendário empresário dos Sex Pistols.

Desde o começo do ano, havia rumores de que ele faria um filme sobre sua carreira. No entanto, ele negou propostas do Channel 4 e da BBC de uma dramatização “careta” da sua vida.

Depois, vieram os boatos de que ele estaria tramando um musical sobre o britpop.

Mas McGee tratou logo de negar e mandou: “Eu não quero deixar para trás tudo que já discutimos, mas não será como: ‘O Noel chegou, e depois o Liam chegou, e aí o Bobbie Gillespie chegou’. Não terá nada a ver com a Creation e o britpop neste sentido”.

O fato é que Alan McGee e Irvine Welsh no mesmo projeto é quase certeza de que algo de relevante sairá da parceria. Concorda?

Para quem não viu o McGee durante o 15CIF, veja este vídeo em que ele conta sobre a noite em que ele descobriu o Oasis!

[youtube width=”650″ height=”344″]http://www.youtube.com/watch?v=oCGwH6ACRIE[/youtube]

 

TOP 5 – Frases de Noel Gallagher

6 anos atrás ----- Blog Top 5

.
Falar de Oasis é falar de uma banda importantíssima para o rock britânico. Com sete discos lançados, a banda definiu – junto com o Blur – o que entendemos por britpop. Mas nunca foi uma banda unânime.

Unanimidade, mesmo, é a capacidade do ex-Oasis Noel Gallagher como frasista. Polêmico e sincero, ele saiu do Oasis e veio para no nosso TOP 5 Frases de Noel. Voilà:

 Sobre ficar velho

.
“Estou virando um velho beligerante. É o normal. Quando você chega a uma certa idade, você acha que as opiniões das outras pessoas não interessam mais, e você fica meio desconfortável com seu lugar na vida moderna.”

Noel respondendo a uma pergunta relacionada à música Live Forever, do Oasis (“O homem que dizia que viveríamos para sempre envelheceu. Qual sua opinião sobre isto?”)

 Sobre o irmão

“Ele é rude, arrogante, intimidante e preguiçoso. É o cara mais raivoso que você pode conhecer. É como um homem com garfo num mundo de sopas”

Noel destratando seu irmão Liam. Grande parte do charme do Oasis era a postura beligerante entre os irmãos Gallagher…

 Sobre bandas não tão boas…

“A pior coisa sobre o Kaiser Chiefs é que eles não são muito bons. Eles tocam todo arrumadinhos e sentam no topo da insignificância. Eles não significam nada pra ninguém, a não ser suas namoradas horríveis”

Sem papas na língua, Noel frequentemente xingava bandas publicamente. Sobrou para o Blur, Coldplay, Radiohead, Kaiser Chiefs, Keane…

 Sobre rock’n roll stars

“Eu era um super-heroi nos anos 90. Eu disse isso na época. McCartney, Weller, Townshend, Richard… meus primeiros discos são melhores que todos os discos deles. Até eles admitem isso”

O homem que, em sua primeira música de seu primeiro disco já declarava que era uma estrela do rock ‘n roll sempre se colocou como um ícone.

 Sobre concertos beneficentes

“Não tenho certeza sobre esse Live8. Eles estão esperando que um destes caras do G8, num break de 15 minutos entre alguma reunião, vá ver a Annie Lennox cantando ‘Sweet Dreams’ e vai pensar: ‘porra, ela deve ter razão’. Não vai acontecer, vai?”

Apesar de criticar bandas que se envolviam diretamente com marcas e empresas, Noel também não era fã de concertos beneficentes. Na frase vencedora de nosso TOP 5, Noel destila toda sua ironia sobre o Live8

.
p.s.: Uma vez, Noel reconheceu que passou dos limites. Depois de dizer que desejava que os caras do Blur pegassem AIDS, ele pediu desculpas e depois revelou: “Uma das piores coisas que aconteceram comigo foi quando eu disse aquelas coisas sobre o Blur. Minha mãe me ligou e disse que estava bem brava e falou ‘Eu não te criei pra você sair falando assim por aí'”.

.
E para você? Qual a melhor frase do Noel Gallagher?

McGee falou e disse no StudioSP

6 anos atrás ----- Blog

O cara estava lá. Elegante, exibindo um belo chapéu pra cobrir metade da careca, — bem diferente dos idos anos de Madchester — um sobretudo vinho, meio pro roxo e um sapato que denunciava: “eu sei o que é estilo, cara”.

Alan Mcgee esteve no Studio SP na sexta à tarde, antes de comandar as pick-ups na primeira balada do Música na Noite do #15CIF, para um bate papo com fãs de música britânica, fãs do Oasis e, principalmente, fãs do próprio McGee.

O bate papo mostrou um cara extremamente simpático, e bem surpreso: “Aqui todo mundo sabe o que eu fiz!“

McGee falou mal das bandas de Londres e disse que, atualmente, o guitarrista que ele mais gosta é o Neil Young, e que não conhece nem Vaccines e nem James Blake!

Veja os melhores momentos do bate-papo:
.

Sobre a atual cena musical londrina

— As bandas de Londres não prestam. Eles estão mais preocupados com as calças que vão vestir do que com o que estão tocando. A música mesmo vem de Glasgow, Manchester e Liverpool. As bandas vão pra Londres pois precisam da cena de lá, eu saí da Escócia pois não havia nada acontecendo lá.
.

Sobre a eleição de melhor disco do ano de 1991 da revista Spin,colocando o “Bandwagonesque”. do Teenage Fanclub, à frente do “Nevermind” do Nirvana.

— Não, eu não concordo com a Spin. Veja bem, eu amo Norman Boy, mas, cara, o Nirvana são os malditos Beatles, cara!
.

Sobre o novo disco do Noel Gallagher, ex-Oasis:

— Eu escutei as demos do novo do Noel e é genial. Eu não sei como ele vai gravar aquilo, como vai aparecer no disco, mas é fantástico. Lembra um pouco o Neil Young.
.

Sobre se a banda nova do Liam é a melhor banda do mundo, ocupando o posto do Oasis:

— Se eu fosse Liam Gallagher diria que sim! Hehe, mas, sério, eu acho que é uma bela banda, o problema é que tudo que eles gravem agora vai ser colocado numa caixa “parecido com Oasis” pois a comparação é inevitável.
.

McGee ainda teve tempo de dar a benção a Miles Kane:

— Ele é ótimo! Eu nunca compro discos, sabe? Eu ganho, eu baixo, nunca compro. O dele eu comprei!.

Que honra, hein Miles?

Siga a dica do o show do Miles Kane no domingo. Mais infos aqui!

 

Pergunte ao McGee: qual o álbum maldito do Oasis?

6 anos atrás ----- Blog

.
Um Rolls Royce flutando numa piscina. É a imagem que marca o álbum Be Here Now (1997), considerado pela crítica, por muitos dos fãs e pelos próprios irmãos Gallagher o pior trabalho do Oasis.

“Be Here Now” é o terceiro álbum da banda descoberta pelo nosso DJ Alan McGee.

Foi lançado depois de Definitely Maybe (1994) e (What’s the Story) Morning Glory (1995), ambos de extremo sucesso. Havia muita pressão sobre seu lançamento, que coincidiu justamente com um bloqueio de criação por parte de Noel, e uma montanha-russa emocional por parte de ambos os irmãos.

Foi quando as famosas brigas entre os Gallagher ficaram acirradas. Noel decidiu que Liam era péssimo cantor, Liam decidiu que odiava as canções de Noel, Noel largou a banda por um curto período, Liam deixou de ir a shows – e quando ia, fazia pouco caso.

Tudo isso potencializado por muita droga pesada e pressa em gravar o disco.
.

.

Do Caribe

A maioria das canções foram compostas por Noel na ilha de Mustique, no mar do Caribe, onde ele costumava passar férias com a modelo Kate Moss e o ator Johnny Depp – Johnny Depp inclusive participou da faixa Fade In-Out tocando guitarra!

Foi um período conturbado, em que a banda definitivamente não estava numa boa fase.

Quando Liam foi gravar os vocais, Noel sequer compareceu.

Mas as críticas iniciais foram positivas e, já no primeiro dia nas lojas, Be Here Now vendeu mais de 420.000 cópias. Ao longo do tempo, porém, o disco foi sendo deixado de lado. Os próprios irmãos, que no época diziam “we are better than the Beatles”, hoje mal tocam as faixas do álbum ao vivo (como Stand by Me, Don’t Go Away e All Around the World).

As histórias e opiniões são controversas, como tudo que envolve o Oasis. Se quiser saber mais do caso, pergunte ao Alan McGee, dono do selo Creation Records, que lançou o Oasis.

Ele estava lá, envolvido na produção da banda, e na sexta-feira estará no Studio SP para um bate-papo aberto ao público e para animar a noite do 15º Cultura Inglesa Festival. Saiba mais.

 

Carlitos Tevez: o próximo filho de Noel Gallagher

6 anos atrás ----- Blog

Assim como cá, o futebol e a música tem laços estreitos também no Reino Unido.

Melhor para o Oasis.

Nesse último final de semana, a cidade de Manchester ficou ensandecida: tanto o United quanto o City foram campeões – Campeonato Inglês e Copa da Inglaterra, respectivamente.

Manchester é a terra dos irmãos mais loucos do Rock’n Roll: Noel e Liam Gallagher, ex-Oasis. Ambos são fanáticos pelo Manchester City, o time azul da cidade.

E, claro, Noel está sempre se envolvendo em polêmicas em nome de seu clube do coração.

Ele já disse que votaria em Carlos Tevez, atacante do time, para Homem do Ano de Manchester. Já disse também que daria o nome de “Carlos Tevez Gallagher” para seu próximo filho!

Em 2009, na última passagem da banda pelo Brasil, Noel convocou o Nilmar, à época no Inter de Porto Alegre e autor de um gol antológico contra o Corinthians, para os bastidores do show do Oasis – além, é claro, de tentar aliciar o jogador para o City.

E semana passada ameaçou Gary Neville, o lateral do time rival, por ter usado uma letra do Oasis em seu Twitter. É o mesmo jogador que, certa vez, quis uma guitarra autografada de Noel e recebeu de volta o instrumento com os dizeres: “Feliz aniversário, idiota (Man City Football Club)”.

Bom, se você quer conhecer mais sobre os bastidores do Oasis e sacar mais da música britânica, apareça para o bate-papo com o produtor Allan McGee, o descobridor da banda e dono da lendária Creation Records, lar do Oasis nos primeiros — e históricos — discos do grupo.

É no StudioSP, dia 27, às 15 horas!

 

Noel Gallagher: o fã número um de Miles Kane

6 anos atrás ----- Blog

Se você já ouviu as faixas do disco de estreia do Miles Kane, liberadas pela NME (conforme a gente divulgou aqui no blog), percebeu uma presença ilustre!

Noel Gallagher, a parte menos revolta do finado Oasis, participou da gravação do “Colour of the Trap”, o disco do Miles “Prodígio do Rock” Kane.

“Ele apareceu uma tarde lá no estúdio, pra tomar um café enquanto eu estava mixando o disco e acabou cantando em uma das faixas. Era uma bela tarde, legendária!” disse Miles à NME, em relação à faixa “My Fantasy”, que tem os vocais de Noel.

O ex-guitarrista do Oasis também chamou Miles para tocar guitarra no seu disco solo que vem aí.

Se o cara agradou Noel Gallagher a ponto de fazê-lo cantar no seu disco assim, de bate pronto, não vai ser você que vai perder o show do Miles, dia 29 de maio no #15CIF, lá no Parque da Independência, né? Ele toca logo antes do Gang of Four.
.

Saiba mais

+ sobre o show do Miles

+ Música no Parque