Web Content Viewer
Cultura Inglesa julho | 2015 | Blog – Cultura Inglesa

Mês: julho 2015

Talk British To Me #4 – Como pronunciar nomes de lugares ingleses

2 anos atrás ----- Blog The Insider Vídeo

#

#
O que é que faz do inglês britânico tão… britânico? Não é só o sotaque!

A série Talk British to Me, apresentada pelo nosso “insider” em Londres, entrevista personagens da cidade e explora diferentes universos da cultura local para mostrar quais expressões, termos, gírias e – claro – jeitos de pronunciar as palavras, fazem o inglês britânico ser tão atraente.

Neste quarto episódio, vamos até King’s Cross – a estação de trem mais famosa da Inglaterra (graças ao Harry Potter) – para encontrar uma londrina chamada Florence.

Com um sotaque britânico clássico, ela mostra como pronunciar “Worcester”, “Tottenham” e outros lugares do Reino Unido, além de explicar o significado de expressões comuns no dia-a-dia do inglês britânico no quadro “Phrase in the Box”.

Não esqueça de ligar a legenda em inglês!

Assista todos os episódios em HD aqui

Inscreva-se no nosso canal do YouTube para não perder mais nenhum!

 

For teachers

2 anos atrás ----- Cultura Inglesa

#
Lista do conteúdo original produzido pelo digital da Cultura Inglesa direto do UK
(atualizado periodicamente)

#

Série chamada “Talk British to Me” explora o inglês falado no dia-a-dia de Londres com episódios novos todo mês

podcast
O Cultura Inglesa Radio traz entrevistas com native English speakers todo mês sobre o inglês falando na música britânica

insta
Fotos diárias que retratam as curiosidades e diferentes aspectos do cotidiano no Reino Unido

reding
Dicas de matérias produzidas na Inglaterra que enriquecem o vocabulário

cards
Memes que descomplicam os phrasal verbs

blog
Posts do nosso insider sobre a cultura britânica, novidades e lugares do UK

face
Posts diários com a melhor curadoria da cultura britânica

tweets
Links e informações sobre conteúdo britânico na internet e notícias sobre ações e eventos da Cultura Inglesa

 

Cultura Inglesa Radio – Desvendando o inglês das letras dos Smiths

2 anos atrás ----- Blog

#

The Smiths were active for only 5 years but they’ve changed the British music and Morrissey’s lyrics answers for a lot of the band’s massive influence and legacy.

On this podcast:

– We explore how Morrissey played with the English language to write so many good words.

– We explain the meaning and some secrets of The Smiths’ most famous songs

Presented by: Alex Xavier
Special guest: James Sullivan

Subscribe for more:
iTunes
Soundcloud

“Quase caí da cadeira”, diz aluno vencedor de viagem para a Inglaterra

2 anos atrás ----- Blog

#
Screen Shot 2015-07-09 at 10.42.51

João Batista Oliveira foi o aluno vencedor do concurso do 19º Cultura Inglesa Festival e vai estudar inglês em Londres com tudo pago!

“Realmente fiquei muito surpreso ao saber que fui sorteado. Estou muito feliz e não vejo a hora de ir à Inglaterra. Como não ganho nem em bingo de igreja até pensei que fosse algum spam. Quase caí da cadeira!!!”, conta João.

O evento do Festival no qual o aluno da Cultura Inglesa-Vila Mariana retirou seu cupom foi o espetáculo de dança Claro Escuro:

“Mesmo sendo leigo em dança contemporânea achei interessante a proposta do Claro Escuro. Fiquei um pouco perdido no início do espetáculo, justamente por não enxergar nada. De repente, a bailarina Juliana apareceu em pé no tablado e começou dançar na penumbra, espalhando o material de borracha que estava no chão fazendo com a luz surgisse do palco. Gostei bastante e acredito que o público também.”

João foi sorteado com uma viagem para Londres e uma bolsa de estudo com duração de duas semanas de curso de inglês em escola na Inglaterra, duas semanas de acomodação em casa de família ou residência estudantil, com café da manhã e jantar inclusos.

Boa viagem, João!

Já percebeu que aluno da Cultura Inglesa se dá bem, né? Venha pro time

 

Top 5 – Maravilhas britânicas de Wimbledon

2 anos atrás ----- Blog The Insider

#
#

É como se a Inglaterra sediasse uma copa do mundo todo ano. O torneio de tênis de Wimbledon, o mais antigo e tradicional grand slam do planeta, e o único que exige um dress code dos tenistas, mobiliza o país inteiro e é um acontecimento britânico dos pés à cabeça.

Aqui estão 5 razões que fazem de Wimbledon o evento esportivo mais especial do ano no UK:
##

Um bairro vestido de tênis

Londres se transforma em vários pontos quando Wimbledon começa. No bairro que dá nome e sedia o torneio (no sudoeste da cidade), a transformação é completa: as lojas, ruas e as estações de metrô mais próximas do All England Club (Southfields Station e Wimbledon Station) se vestem de tênis.

#

Hora da BBC brilhar

É o momento em que duas clássicas instituições britânicas se juntam: BBC e Wimbledon. A BBC não tem os direitos de transmissão dos principais torneios de futebol, nem da Fórmula 1. Mas Wimbledon é com ela: ao vivo todo dia na tevê, internet e rádio. John McEnroe, provavelmente o tenista mais comédia da história, é um dos comentaristas da emissora e uma diversão à parte.

Os veículos que não possuem direito de transmissão trazem a cobertura ao vivo em seus websites, e os principais jornais de Londres colocam Wimbledon em suas capas dia sim, dia não.
#

Um double decker exclusivo

Que outro evento tem seu próprio ônibus de dois andares vintage? Além deste da foto, durante o torneio mais alguns double deckers normais fazem o trajeto Estação de metrô – Quadras de tênis.
#

Morangos frescos!

Morango com chantilly é o prato principal de Wimbledon desde o século XIX. Nada menos que 33 toneladas de morango são consumidas durante o torneio todo ano! E todos são frescos, colhidos às 4h da manhã do dia em que são servidos.

#
#

A fila das filas

 

Se você não é da família real, conseguir ingresso para Wimbledon não é fácil, nem barato. Existe um sorteio para a compra de ingresso, como o da Copa do Mundo, que começa um ano antes do torneio. Quem não é sorteado, vai para a Fila. Localizada num campo de golfe ao lado do All England’s Club, a mítica The Queue é a mãe de todas as filas inglesas e uma das atrações de Wimbledon.

Todo dia de torneio, a organização disponibiliza ingressos para a entrada no complexo (que não garante entrada para as quadras principais, apenas as menores), mas para conseguir um, você precisa chegar cedo. Muito cedo! Na primeira semana (a que tem mais jogos nas quadras menores), já às 7h da manhã a Fila já não comporta mais ninguém. Muita gente acampa por lá, faz piquenique, lê livros, faz amigos, etc, porque a fila é longa: tem mais de 1km e até quatro horas de espera.

A Fila é tão tradicional que tem guia oficial, monitor, um banheiro que anda, entretenimento durante o percurso e um nome próprio: The Queue (sim, com letras maiúsculas). A cada ano, ela só aumenta. E quem pega, diz que vale a pena, afinal, é verão.

20150707_191604
#
Acompanhe Wimbledon ao vivo.

 

London 40 graus – Como a cidade lida com algo raro: sol e calor

2 anos atrás ----- Blog Cultura Inglesa The Insider

#
Screen Shot 2015-07-02 at 09.26.40
#
É público e notório que o sol e o Reino Unido não são lá grandes amigos. Num dia quente de verão, então, fica evidente: os britânicos estão muito mais acostumados com a chuva e o frio do que com o sol e o calor.

Nesta quarta, 1º de julho, fez o dia quente em Londres. A cidade experimentou a temperatura mais alta da sua história. Os termômetros alcançaram 36 graus em Heathrow (o bairro do aeroporto).

Se para um carioca já é calor, imagina para um londrino que considera 25 graus abrasador. Foi um deus nos acuda.

Ruas derreteram, trens foram cancelados, pessoas passaram mal na rua e no metrô, autoridades distribuíram garrafinhas d’água em vários pontos do país, os jornais reportaram a “heatwave” ao vivo, e os famosos double deckers viraram um forno (o segundo andar de alguns ônibus bateu quase 40 graus).

A maioria dos lugares fechados (como casas de show e o metrô, por exemplo), não tem ar condicionado – apenas sistema de calefação. Ou seja, quem estava na rua não tinha muito para onde fugir. Ar condicionado em casa, nem pensar.

Em Wimbledon, onde ocorre o torneio de tênis, um gandula desmaiou no meio de uma partida. Nas casas de apostas já tem mais gente apostando que jogos serão interrompidos por causa do calor do que por causa da tradicional chuva.

Global warming, my friends.

Mas nem o calor derreteu o humor britânico:
#

#